Chegando em Niterói/RJ - abertura 07 de maio as 19 hs, visitação de 08 à 06 de junho 2015

April 19, 2015

 

O Projeto de exposição Dentro da Mata surgiu em 2010, quando a primeira exposição foi realizada no SESC - Arsenal, em Cuiabá/MT, o SESC através do projeto SESCAMAZONIADASARTES, convidou o artista para participar do calendário de exposições do projeto, em 2011, foram realizadas mais seis (6) exposições: Teresina/PI, Macapá/AP, Manaus/AM, Belém/PA, Porto Velho/RO, São Luiz/MA.

Desde então, o projeto continuou caminhando em 2013 o recebeu apoio do Governo do Estado de Mato Grosso, assim, foram realizadas mais 3 mostras em: Blumenau/SC, no Museu de Arte de Blumenau, em Brasília no Centro Cultural da Câmara dos Deputados, e Jataí no Museu de Arte de Jataí/GO.

 


A mostra conta com a curadoria de Fabíola Mesquita, Filósofa, Produtora Cultural, e idealizadora do site Rede de Arte (www.rededearte.com.br), a ideia é ir além da pura apreciação visual possibilitar um momento calmo e reflexivo, Dentro da Mata tem como norteadores, o resgate das artes plásticas enquanto suporte de manifestação artísticas e culturais com objetivo de democratizar e dar oportunidades aos cidadãos de diferentes classes sociais de forma que cada um, em sua individualidade e diversidade, possam construir seus gostos e aptidões culturais; Conscientizar a população quanto a criação de novas Áreas de preservação permanente no país, assim como a preservação e manutenção da APP já existente; O projeto ainda tem como foco ser realizado no mínimo em cada um dos Estados brasileiros, ao todo já foram 11 Estados, faltam 17.

Miguel Penha, que é descendente dos índios Xiquitanos, tendo vivido em aldeias do Xingu como os Krahôs e Caiapós no Tocantins, e acredita que preservação dos elementos constitutivos da memória dos diferentes grupos humanos, é condição para a construção de uma consciência maior de sua identidade, compreendidas e formuladas de maneira autônoma, logo, a importância da preservação, é,  garantia desses direitos, preconizados na Carta Rio 92 , princípio 23 “O meio ambiente e os recursos naturais dos povos submetidos à opressão, dominação e ocupação serão protegidos”.


A exposição Dentro da Mata, leva-nos a questionamento como: a crescente ameaça de destruição a que estão expostos tanto o patrimônio natural quanto o cultural, não apenas pelas causas tradicionais de degradação, mas também pelas mudanças da vida social e econômica; Estamos preparados para essas mudanças?


“Próxima parada Niterói/RJ, no Instituto Cultural Germânico.

 

Please reload

  • Facebook
  • Instagram